Curta a nossa página
Teresina
+29°C
24/02 15h46 2021 Você está aqui: Home / Avisos Imprimir postagem

COMUNICADO A ALUNOS, PAIS, ESTABELECIMENTOS DE ENSINO PRIVADO, GOVERNO ESTADUAL E MUNICIPAL, SOCIEDADE EM GERAL.

 

COMUNICADO A ALUNOS, PAIS, ESTABELECIMENTOS DE ENSINO PRIVADO, GOVERNO ESTADUAL E MUNICIPAL, SOCIEDADE EM GERAL.

 

O Sindicato dos Professores e Auxiliares da Administração Escolar do Estado do Piauí- SINPRO-PI, que representa os Professores e Auxiliares da Rede Particular de Ensino no Piauí vem a público manifestar sua posição frente a polêmica que se instalou na sociedade piauiense, em especial no município de Teresina, em decorrência do Decreto nº 19.479, de 22 de fevereiro de 2021, que altera o Decreto nº 19.462, de 18 de fevereiro de 2021, onde dispõe sobre medidas sanitárias excepcionais a serem adotadas para o enfrentamento da COVID-19, editado pelo Governo Estadual.

DOS FATOS VEICULADOS NOS MEIOS DE COMUNICAÇÃO SOCIAL:

  • Teresina atinge 91% de ocupação de UTI para Covid e a taxa de ocupação no interior do estado chega a 61%;
  • Variante do coronavírus identificada em Manaus já tem registros em 17 estados do Brasil;
  • Hospitais com ESTOQUE DE MEDICAMENTOS E INSUMOS em situação de alerta - Saúde diz que possui estoque de “kit intubação", mas aumento de casos preocupa;
  • Piauí registra mais 14 óbitos e chega a 3.274 mortes por Covid-19;
  • O Estado já contabilizou 171.032 casos confirmados e 3.274 óbitos pela Covid-19, registrados em 208 municípios;
  • Hospital Regional de Floriano chega a 90% de ocupação de leitos de UTI;
  • Teresina não tem mais vagas em UTIs da rede pública;
  • Teresinenses protestam contra restrições de decreto e pedem soluções;
  • Entre outras.

 

DA PREOCUPAÇÃO COM O SETOR DA EDUCAÇÃO PRIVADA QUE DESENVOLVE AULAS PRESENCIAIS:

 

  • Falta de divulgação da relação de Escolas Particulares que receberam o ACEITE pela DIVISA/SESAPI para abertura de suas atividades educacionais presenciais, já solicitadas pelo SINPRO-PI através de OFICIO Nº 009/2021, de 02 de fevereiro e recebido pelo órgão em 03 de fevereiro de 2021;
  • Embora tendo recebido OFICIO DA SECRETARIA DE GOVERNO DO ESTADO DO PIAUÍ, em razão de solicitação do SINPRO-PI, como resposta do Excelentíssimo Governador do Estado, Sr. Wellington Dias, que agradecemos publicamente, por ter atendido nossa solicitação de antecipação da vacinação dos TRABALHADORES EM EDUCAÇÃO para a 2ª fase do plano de imunização, ainda não foi disponibilizado o processo de imunização dos referidos trabalhadores;
  • A precariedade da capacidade operacional dos órgãos de vigilância sanitária dos municípios, QUE SÃO OS RESPONSÁVEIS, de realizarem, sistematicamente, a fiscalização da operacionalização dos Planos de Segurança Sanitária e Contenção da COVID-19 pelos Estabelecimentos de Ensino Privado na Capital e demais Municípios.

 

DO POSICIONAMENTO DO SINPRO-PI

 

  • Momento algum os Trabalhadores em Educação da Rede Privada de Ensino do Estado do Piauí e sua Representação Sindical se colocaram contra a manutenção das atividades educacionais, tanto é verdadeiro que o ano letivo de 2020 foi concluído sem maiores problemas;
  • Manifestamos nossa preocupação devido às características de sermos uma classe trabalhadora em que os professores circulam em diversas escolas em razão da condição contratual e salarial, além do fato de que uma parcela significativa da categoria está na faixa de idade adulta e idosa;
  • Não podemos concordar, apesar de sermos cientes das dificuldades econômicas que a pandemia tem trazido à sociedade em geral, que as decisões se deem em função de interesses que não sejam a segurança e a garantia da VIDA, pois trabalhamos com a difusão do conhecimento acadêmico-técnico-científico, do qual não podemos abrir mão sob pena de favorecermos situação de maior calamidade e desespero;
  • Precisamos ter a garantia de que as decisões governamentais e das instâncias responsáveis pela saúde e garantia da vida sejam, VERDADEIRAMENTE, pautadas na CIÊNCIA.

 

DA SOLICITAÇÃO DO SINPRO-PI

 

  • Autoridades Governamentais e Sanitárias (Estadual e Municipais) FISCALIZAÇÃO na aplicação dos Planos de Segurança Sanitária e Contenção da COVID-19 pelos Estabelecimentos de Ensino Privado na Capital e demais Municípios.
  • Proprietários de Estabelecimentos de Ensino Privado no Estado do Piauí que observem a necessidade de implantar os Planos de Segurança Sanitária e Contenção da COVID-19 nos seus Estabelecimentos de Ensino Privado na Capital e demais Municípios. Não é CUSTO é GARANTIA de um ambiente escolar SEGURO e capaz de realizar a missão de ensino-aprendizagem com eficiência e eficácia num momento de tamanha preocupação e apelo social.
  • Trabalhadores em Educação Privada observem, na sua conduta e do estabelecimento de ensino, as medidas necessárias à segurança sanitária, fiscalizem e denuncie qualquer irregularidade que comprometa essa segurança sanitária.

O sentido da Vida é a Vida com sentido.

 

A DIREÇÃO DO SINPRO-PI


Comentários

Atenção! Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião desta página, se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.